Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Sr. Ministro, preciso de ajuda...

por E esta hein, em 27.03.12

"Mãe, estou cheio de fome..."

"Cala-te que a Secretaria de Estado da Cultura deixa-nos entrar de borla nos museus..."

 

A notícia do JN diz assim...

 

"Os desempregados podem, a partir desta terça-feira, Dia Mundial do Teatro, entrar gratuitamente nos museus, monumentos e palácios tutelados pelo governo e ter descontos para espetáculos nos teatros nacionais.

A Secretaria de Estado da Cultura (SEC) pretende, com esta medida, que as pessoas que têm hábitos culturais não tenham "o seu acesso à cultura limitado por se encontrarem numa situação de desemprego".

Desta forma, os desempregados passam a entrar gratuitamente nos museus, monumentos e palácios tutelados pela SEC.

No caso da rede dos museus nacionais, conta com 28 espalhados por todo o país e mais cinco palácios nacionais sob a tutela direta do Instituto dos Museus e da Conservação.

Os desempregados passam ainda a ter descontos nos Teatros Nacionais, Cinemateca e Companhia Nacional de Bailado (CNB), limitados a um número máximo por sessão definido pelos próprios organismos.

Para entrar na Cinemateca, uma pessoa em situação de desemprego passa a pagar um bilhete com valor fixo de 1,35 euros, enquanto que seis euros é quanto lhe vai custar o preço fixo para entrar no Teatro Nacional D. Maria II."

 

A sério? Acham mesmo que este é o principal problema de um desempregado??? Não poder ir ao museu??? Ou ao teatro??? E o não ter dinheiro para colocar comida na mesa, não ter dinheiro para pagar a renda, não poder dar aos filhos o que eles querem? O não ter subsídio de desemprego porque o antigo patrão nem descontos fazia?

 

Acho bem que criem hábitos de cultura no povo (porque a generalidade das pessoas não tem esses mesmos hábitos) mas por amor da Santa, esta notícia parece quase anedótica...

 

E já agora, então e aquela faixa do Zé Povo, aqueles que por enquanto lhes chamam classe média (mas que de média não têm grande coisa), que lutam todos os meses para pagar e cumprir com as obrigações (e que a esforço conseguem mesmo que fiquem quase a zeros no fim do mês), não têm direito a descontos?

 

Enfim...é este o povo que temos...Saudações Eestianas...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:20

Mas onde é que eu já ouvi isto?! "Lean on me"

por E esta hein, em 26.03.12

1 mês depois, eis que volta o "E Esta Hein?!"...Depois de um tempo em que não tive tempo nenhum (passe a redundância), volto (espero eu) de vez, para voltar a mostrar-vos coisas que me vão "tocando" no dia-a-dia, vídeos que encontro, parvoíces que me passam na cabeça (que até são muitas), coisas engraçadas e outras menos engraçadas...enfim...o que vocês já sabem...

 

Antes de voltarmos à nossa (vossa) rubrica sobre covers, quero agradecer a todos os que continuaram a visitar, a comentar e a apreciar o blog mesmo neste tempo de interregno...

 

E neste post nº 201 (esqueci-me de mencionar no último que era o 200...mais uma vez obrigado por terem ajudado a que já fossem tantos posts) a nossa votação vai ser uma "homenagem" a todos os meus amigos, a todos os que me ajudaram nestes posts e a toda a gente que gosta de mim...{#emotions_dlg.happy}

 

A música é um original de Bill Withers, chama-se "Lean on me" e fala sobre a amizade pura, sobre como nos devemos e podemos apoiar nos verdadeiros amigos, e até na reciprocidade dessa mesma amizade...É uma música que gosto muito e que me faz sempre pensar num mundo melhor (e com isto já me posso candidatar a Miss Universo! {#emotions_dlg.clown}) As versões são a original (de Bill Withers), a de uma banda germânica chamada 2-4 Family e a de Michael Bolton...Espero que gostem e toca a votar!!! Saudações Eestianas...

 

Versão de Bill Withers

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Versão de 2-4 Family

 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  

Versão de Michael Bolton


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:17


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

A DO DIA

Paul Manafort, ex-director de campanha do Presidente norte-americano Donald Trump, e Rick Gates, seu antigo parceiro de negócios, receberam esta segunda-feira ordem para se entregarem às autoridades, noticiou o New York Times. Duas horas depois, Manafort entrava no FBI, pela porta principal, ao lado do seu advogado.

Recomendação da Semana


Estas pessoas não têm vida e vieram ver o Blog



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Mais sobre mim

foto do autor