Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

E esta hein?!

Um blog para falar sobre tudo....Principalmente estupidez...

28.09.17

Ó D. Rosa, não se sente aí...

E esta hein

Quando Rosa Parks se recusou a ceder o seu lugar (na zona dos "coloridos") a um caucasiano que tinha entrado e não tinha lugares para sentar, pouco saberia que em 2017 uma portuguesa iria querer voltar a tempos de segregação, neste caso a nível de género.

 

Joana Amaral Dias, candidata à Câmara Municipal de Lisboa pelo movimento ‘Nós, Cidadãos!’, ex-deputada do Bloco de Esquerda e ainda antiga comentadora do 5 para a Meia-Noite (adorava que o ponto alto da carreira dela um dia fosse este) acha que existe um flagelo enorme nos transportes públicos...os apalpões às senhoras...

 

E qual a solução desta senhora? Lugares reservados para as “mulheres que não quiserem ser apalpadas”, ou seja, lugares à parte para as senhoras que achem que estão a ser assediadas e assim estão protegidas desses malvados homens que vão para o trabalho com o único propósito que é "Afalfá-las Vem" 

 

Antes de mais, um pequeno reparo, como assim só as mulheres andam a ser apalpadas? Senhoras, onde andam os vossos ideais de igualdade? Onde estão as apalpadeiras? Nós também queremos ser apalpados...

 

Pensando nisto como deve de ser, e após consulta exaustiva com os meus pares, decidi...se me elegerem a mim, criarei antes lugares onde homens e mulheres (direitos iguais) poderão ir apenas com o propósito de serem apalpados, apenas para o chavascal...Votem em mim...

 

Brincadeira e estupidez à parte (foi a Joana que começou, quem diz é quem é), não é normal que em pleno 2017, com tudo o que se foi avançando a nivel social, ainda existam pessoas que achem que a solução para um problema (que acredito ser algo existente) não é tentar combater efectivamente o problema mas sim mascará-lo e ainda mais com opções de segregação.

 

Assim tenho ainda mais soluções:

- Proibição de se andar com dinheiro ou mesmo cartões de Multibanco, para evitar assaltos

- Cuecas de aço para todos com cadeados de modo a evitar violações

- Não transmitirem jogos de futebol onde certos clubes (como o meu) levam 5-0, para evitar...pois não sei o que evita, mas era preferível não ter visto

 

Por curiosidade, e se quiserem ver outras propostas absurdas de candidatos autarquicos, poderão ver em NIT.PT (https://nit.pt/out-of-town/back-in-town/as-propostas-mais-originais-dos-candidatos-as-autarquicas) propostas como "valorizar a mulher e beleza feminina" em Faro, Aeroportos em Coimbra ou moedas locais na Guarda.

 

Saudações Eeestianas

25.09.17

Não Plagiarás o Próximo - To Love Somebody

E esta hein

Neste tão esperado regresso do E Esta Hein?! (esperado por milhares de pessoas...vá, centenas de pessoas...ok, obrigado Mãe por quereres o regresso do blog ), nada como pegar numa rubrica antiga, dar-lhe um nome novo e dizer "Não Percam! Nova Rubrica no E Esta Hein?!".

 

Assim, e inspirado pelas recentes polémicas relativamente ao Sr. António que copiava músicas de intérpretes franceses, mexicanos e tudo o que vendesse discos, a rubrica que vos põe a votar (deve pôr) no melhor cover a uma determinada musica voltou, com um novo nome, mas com a estupidez do normal 

 

A música que vos trago hoje foi escrita em 1967 pelos irmãos Barry e Robin Gibb, pedida pelo agente da banda dos irmãos Robert Stigwood e supostamente para ser cantada por um senhor chamado Otis Redding. Foi lançada pelos Bee Gees em Julho do mesmo ano, e curiosamente, uma vez que Otis faleceu no final de 67, nunca chegou a gravar a música.

 

A mesma tornou-se uma das baladas mais conhecidas da banda dos 3 irmãos nascidos na Ilha de Man (que como toda a gente sabe só nascem homens nesta mesma ilha....peço desculpa pela vergonha que acabaram de sentir a ler a minha piada) e foi regravada por artistas diversos como Janis JoplinBonnie Tyler ou Michael Bolton (ainda com os seus caracóis loiros)

Foi também gravada pelos 2 intérpretes que eu escolhi para hoje e que vos deixo para votação, Lady Nina Simone (que gravou a sua versão em 1969) e pelo crooner Michael Bublé (que gravou a sua versão em 2013 para o álbum To Be Loved)

Não Plagiarás o Próximo - To Love Somebody Cover

Versão Bee Gees

Versão Nina Simone

Versão Michael Buble

Saudações Eestianas!

Mais sobre mim

foto do autor

Well, That's new (Sempre às 6F)

Netflix And Chill

Não Plagiarás o Próximo

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D